A bibliotecária

Oie oie pessoas, tudo bem com vocês?

No post de hoje, estarei falando um pouco do livro A bibliotecária, publicado pela Galera Record.

Titulo: A bibliotecária
Autora: Logan Belle
Editora: Galera Record
Edição: E-book
Páginas: 260

Sinopse: A jovem Regina Finch acaba de chegar a Manhattan para trabalhar na Biblioteca Pública de Nova York. Mas o que parecia ser a promessa de uma rotina tranquila em meio a clássicos da literatura logo se revela um irresistível jogo de sedução quando ela conhece o envolvente Sebastian Barnes, investidor da instituição e um dos homens mais cobiçados da cidade, que fica obcecado pela beleza da bibliotecária. A até então ingênua Regina se entrega a um crescente e selvagem desejo que parece consumi-la mais a cada dia, uma paixão que despertará na jovem sensações jamais imaginadas. 

Resenha

Regina finalmente tem tudo o que sempre quis: ela é a nova funcionária da biblioteca pública de Nova York, seu lugar favorito no mundo e sonho de consumo. Desde pequena, ela freqüentava o lugar com seu pai, e foi nessa idade que decidiu no que se formaria: ela seria uma bibliotecária.

Mas as coisas acabam não sendo tão perfeitas quanto ela sonhava: Regina foi enviada para o balcão de empréstimos, pior que isso só o de devoluções. Para completar, sua chefe, a bela e rica Sloan, parece odiá-la.

Ela divide um apartamento com Carly, uma garota completamente diferente dela, mas elas não chegam a ser amigas no inicio. Carly é uma garota rica, e o único motivo de Regina morar com ela, é que Carly precisa de alguém que a impeça de se meter em problemas, plano que não funciona bem, na verdade. Elas mal se falavam até a vida de Regina virar de ponta cabeça.

A personalidade de Regina simplesmente não existe! Esperava que ela fosse uma mulher forte, determinada a conquistar aquilo que queria, mas não encontrei isso em momento algum, e as coisas ficaram ainda mais chatas quando conheceu Sebastian, um homem conquistador e sedutor que a deixava de quatro com um piscar de olhos. Regina acabou se tornando uma das piores personagens que eu já vi, vivia pro trabalho e para obedecer o desconhecido que lhe presenteava todos os dias e lhe dizia o que vestir. Uma personagem simples demais que não sabia retrucar e parecia não conhecer nada, nem mesmo um Iphone. Acredito que a culpa por essa personalidade, ou a falta dela, além de ser de um Sebastian controlador, seja de sua mãe.

A mãe de Regina é uma mulher solitária e dependente da filha desde que o marido morreu, e que tenta fazer com que Regina se sinta culpada por tê-la “abandonado” para viver na cidade grande. Ela não consegue seguir em frente e tenta impedir que Regina o faça, dizendo que a moça não pode fazer nada além de se esforçar no trabalho e que não deve, de forma alguma, se “distrair”. Além de “ensinar” a filha desde cedo que tudo o que não é do trabalho, é uma simples distração. Ou seja, outra que vive para trabalhar.

Não li “50 tons de cinza”, mas imagino que Anastasia faz tudo o que o Sr.Grey mandava, assim como Regina, que obedece Sebastian sem nem pensar duas vezes ou levar em consideração que mais parece o cachorrinho dele. Após algum tempo se “encontrando” com ele, ela percebe que está começando a se apaixonar pelo homem que só quer seu corpo e que não consegue ao menos pensar em ter uma relação.
“Perguntou-se se isso seria o amor. A ideia a assustou.”
Era de se esperar que pelo menos o galã sedutor fosse me encantar, mas diferente do que eu imaginei, só pude odiar Sebastian. Ele não tem aquela delicadeza e brilho no olhar que os outros personagens conquistadores têm, se é que vocês me entendem. Em momento algum ele parece gostar da mocinha, até mesmo no final. Ele é um personagem egocêntrico preocupado somente com o próprio umbigo e com as roupas e sapatos que Regina usa.
“Voltou a abraçá-la e Regina não disse uma palavra mais. Sua adoração era tudo o que precisava. Ao menos no momento.”
Outra coisa que me decepcionou no livro, foi que a autora não descreveu aparência e idade dos personagens, só ficamos sabendo do estilo do cabelo de Regina porque a comparam com uma atriz/modelo (que eu tive que pesquisar no Google para saber), sem contar que ela fica o tempo todo obedecendo as ordens de Sebastian. Ok, talvez isso seja normal em livros desse gênero, mas em nenhum dos livros que eu já li de New Adult/New Young/Hot, as personagens eram tão burras e os galãs tão chatos. O livro não tem humor, que tipo de livro hot não tem humor? Nem mesmo uma piadinha!
“Mais uma vez, os olhos dele se cravaram nos seus. Na escuridão e sob o imperturbável foco de seu olhar, sentiu como se, de algum modo, fizesse uma promessa importante. Embora não fazia a mínima ideia do que tinha prometido.” 
Nunca li um livro tão sem história como esse. Os personagens não têm um objetivo e tudo o que acontece é por causa e gira em torno de Sebastian, mais um homem que coleciona mulheres nas paredes de sua casa (literalmente) e depois as joga fora. O único ponto positivo que eu encontrei no livro, foi que a leitura é rápida, e assim que o terminei, fui correndo ler outro livro para esquecer essa história tão sem graça.


12 comentários

  1. Oiii Dryh =DD
    Nossa eu li esse livro e desacreditei!!
    É ruim do começo ao fim..uma personagem totalmente sem pé nem cabeça e uma historia muuito fraca ><''
    É um realmente como vc disse..um conjunto de personagens vazios!!
    Bjoos
    http://chacombolacha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uma grande perda de tempo né Lih? E pensar que dava para ter lido um livro realmente legal nesse tempo *-*

      Excluir
  2. Oie,
    nossa eu tinha visto este livro já, mas não tinha parado para ler aresenha.
    Gostei, parece ser mto bom
    dica anotada

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  3. Uma pena que o livro te decepcionou tanto assim. Personagens fracos realmente estraga um livro.
    Vou seguir a sua dica e passar a leitura dessa vez.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de setembro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uma pena mesmo, a capa dele é tão bonita *-*

      Excluir
  4. Eu até estava querendo ler esse livro, porque pensei que seria legal, mas depois de ler sua resenha fiquei completamente desanimada! Em pensar que eu quase comprei ele uma vez, ia ficar totalmente decepcionada se tivesse gastado dinheiro com essa história :s

    Beijinhos

    www.escrevendomundos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu comecei a ler porque nem fazia ideia do que falava...haha'

      Excluir
  5. Nossa, você não gostou nada do livro né? Que pena...
    Apesar disso não foi nenhuma surpresa para mim, já que a maioria das resenhas que li foram negativas, tanto que nunca cogitei a possibilidade de lê-lo.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é, eu deveria ter procurado resenhas antes de ler *-*

      Excluir
  6. Ola
    Esse livro só na sinopse e na resenha não me deixaram interessada na leitura, pena que você não gostou. Quando me deparar com esse livro vou pensar várias vezes antes de ler.

    http://momentocrivelli.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Nossa, concordo plenamente com você. Comprei esse livro logo depois que terminei 50 tons de cinza, porque falavam que eram parecidos. E odiei esse livro. Não tem NADA que chame a atenção. Até fiquei com pena da Betty Page por ter Regina comparada a ela. Muito fraco. Foi desperdício do meu dinheiro.
    Super beijos <3
    http://livros-cores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sorte a minha que eu li em pdf, então só gastei tempo mesmo :/

      Excluir

Oiê! Muito obrigada por passar por aqui, deixe um recadinho com o link do seu blog e a gente dá uma passadinha lá mais tarde :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...